4 de Ouros

domingo, 25 de fevereiro de 2018

Bom dia! :-)

Já falei pra vocês que esta é a minha imagem preferida de 4 de Ouros? Muito provavelmente porque ao invés de ver potes de conserva dentro do armário, eu vejo óleos e manteigas vegetais, óleos essenciais e as alquimias que faço com tanto amor...rs E associo a energia do 4 de Ouros a algumas coisas pouco convencionais.

Pois bem... Tradicionalmente, o 4 de Ouros segue duas vertentes de interpretação: por um lado, ele fala de ganhos que são obtidos através de muito trabalho, esforço pessoal... não são ganhos enormes, exorbitantes, são ganhos constantes e seguros, que expressam um negócio bem estruturado e confiável. Por outro lado, ele pode falar de uma situação de apego em relação a algo que já é conhecido, fazendo com que a pessoa abra mão de uma oportunidade nova, mas que ela não sabe, exatamente, no que vai resultar.

O 4 de Ouros me representa bastante! Representa a forma com que trabalho em minhas duas atividades profissionais. Sou funcionária do município concursada (não é um salário que alguém possa invejar, mas tem uma segurança muito saudável em tempos de insegurança) e trabalho com tarot há 20 anos, com um público muito especial e fiel. Raramente alguém se consulta comigo uma vez e nunca mais reaparece, meus clientes são antigos, são queridos, alguns deles até viraram amigos, nos encontramos pessoalmente... Sei que eu poderia aumentar bastante a minha "carteira de clientes" se fizesse alguns movimentos diferentes, se tivesse uma "pegada mais comercial" tanto no blog como na divulgação do meu serviço, mas confesso que faço resistência a isso. Gosto do fato de me lembrar das pessoas que fazem contato comigo, gosto de ler "Me consultei com você há seis meses, não sei se você se lembra" e poder responder "claro que me lembro!". Este acolhimento, pra mim, é muito importante. E talvez por isso eu receba, com frequência, emails com depoimentos tão emocionantes em relação ao meu trabalho. Sou muito grata por vivenciar isso!

A esta altura alguém pode estar se perguntando: ok, e o que esta moça olhando vidros de conserva tem a ver com o 4 de Ouros? Simples... Reparem o nome "conserva"! O 4 de Ouros tende a conservar, manter as coisas como são, preservar de mudanças e deterioração. O 4 de Ouros gosta de estabilizar para poder usufruir daquilo por mais tempo possível, porque aquilo é bom, é gostoso, é gratificante.

Em um domingo de regência solar, o 4 de Ouros chega perguntando: o que você quer conservar em você mesmo? O que você gostaria de estruturar melhor em si? Onde está faltando base? Ou o que é preciso desapegar? Todos estes questionamentos relativo ao Eu (Sol) e à energia do 4 de Ouros são fundamentais, ainda mais se pensarmos que falta menos de 30 dias para atingirmos o ápice do outono, que é o período de colheita. Nada melhor do que saber o que e como estamos plantando para garantir uma boa colheita.

Ótimo domingo para todos nós!

A imagem veio daqui

Príncipe de Espadas

sábado, 24 de fevereiro de 2018

Bom dia! :-)

Para quem ainda não reparou, nem terminamos o segundo mês do ano e este mocinho está nos visitando pela terceira vez. Fiquei aqui pensando que energia é esta tão constante em nossos dias e, pelo menos no meu caso, a conclusão é uma só: muito trabalho, cabeça cheia, necessidade constante de negociação, diálogo e um cuidado impressionante para não falar o que não deve (ou deve, mas não pode...rs).

Mas confesso que estou estranhando a presença dele em pleno sábado... Sábado tranquilo, sábado em que se acorda mais tarde e existe o luxo extremo de tomar café da manhã à mesa. Sábado em que, a princípio, minhas "obrigações" se resumem a pegar água mineral no parque, fazer uma bela caminhada, dar uma arrumada no meu quarto e ver filmes! Muitos filmes! (nossa! Que trabalhão! rs)

Vamos colocar a mente para funcionar... 

O Príncipe de Espadas também pode ser um guerreiro! O símbolo de uma situação em que assumimos, corajosamente, o poder da nossa mente e o poder da nossa palavra. Então, talvez, em pleno sabadão, seja preciso um tanto de estratégia, inteligência e conversa fiada (rs) para resolver alguma questão importante.

A grande dica? Atenção! Não deixar que a preguiça do final de semana nos tire a lucidez e o bom senso, em resumo, tenhamos juízo! Outra dica bacana é aproveitar as habilidades do elemento Ar e estudar, pesquisar, ter uma conversa importante, escrever... Por aqui, abrimos o dia com música e entramos no túnel do tempo, selecionando sucessos dos anos 70, 80 e 90 para ouvir. O elemento Ar entrou aqui na parte do resgate das letras, da memória do que estava acontecendo na época em que cada música foi lançada.

Então vamos lá... Vento batendo no rosto e mente ativa para encarar este sábado!

A imagem veio daqui

A Lua

sexta-feira, 23 de fevereiro de 2018

Bom dia! :-)

Preparem-se para a mudança de ciclo! A partir de agora estamos sob influência da Lua e, portanto, estamos mais sensíveis. Quando este Arcano Maior aparece, devemos nos preparar para alguns mergulhos... Podem ser mergulhos para dentro de si, mergulhos no inconsciente, mergulhos emocionais... O que temos é um momento mais introspectivo que - se formos espertinhos - pode nos proporcionar um acesso interessante a alguma memória ou informação que estava fora do nosso alcance.

É fato que a mistura com a energia de Vênus (regente planetário da sexta-feira) dá uma positivada na interpretação da Lua, e nós agradecemos muito por isto! 

A sexta-feira pode ser, de fato, de amorzinho, só é preciso prestar atenção para não cair em ciladas do tipo: explosões emocionais... ir procurar lá no passado uma bela razão pra treta... ficar de muito mimimi... Fora isso, dá para pensar em uma jornada romântica, em um lugar diferente, em condições diferentes, algo para mexer com a percepção sensorial e ao mesmo tempo resgatar sentimentos lá do passado que pareciam perdidos.

Onde temos o Arcano da Lua, temos profundidade, emoção, memória, vínculo com o feminino e - por que não dizer? - com a magia. Porque este é um símbolo do ciclo da vida e temos também todo o potencial de criação (e isto é magia pura!) Sim, este Arcano fala muito de coisas que ficam nas sombras, que não conseguimos enxergar direito e pelo simples fato de isso acontecer, já estamos com nossa visão mais facilmente manipulada.

Por conta de tudo que foi dito, creio que todos perceberam que em tempos de Lua é preciso prestar atenção...  Esta mutabilidade lunar às vezes é capaz de nos confundir.

Se alguém está interessado em dicas, eu diria para aproveitar bem o dia, especialmente nas questões ligadas aos sentimentos, sensibilidade... Mas agir com cautela, tipo: um passo de cada vez... O único mergulho permitido é o pra dentro de si mesmo! De resto, a ponderação é a melhor dica.

Ótima sexta enluarada!

A imagem veio daqui

3 de Copas

quinta-feira, 22 de fevereiro de 2018

Bom dia! :-)

Vamos começar falando sobre o tempo e o desafio de precisar o momento certo de algo acontecer. Espero que o 3 de Copas se manifeste por aqui hoje, porque é sempre bom ter 3 de Copas por perto. Mas, por aqui, ele começou às 18h de ontem. Depois de um dia bem "feijão com arroz" (e o 4 de Ouros se encaixa nisso), depois do trabalho saí para encontrar um amigo querido, que não vejo há algum tempo, pois ele mora no Rio. Vez por outra, ele vem visitar pai, que mora aqui, e então nos encontramos. Éramos três na mesa (eu, o namorado e ele) e o brinde aconteceu em torno das 18h 30min. Uma réplica do 3 de Copas!

Então, já fui dormir com uma sensação gostosa de celebração e gratidão. Lembro de sorrir enquanto o sono me conduzia ao mundo de Morpheus, lentamente. Os sonhos durante toda a madrugada foram leves e acordei com a sensação de ainda havia algo mais para comemorar.

Ok, o céu está tão cinza que parece que vai cair, sabe como? Quando é um peso tão grande que parece ser impossível se manter lá no alto...rs Apesar disso, os pássaros cantam, como se não se importassem muito com a ausência de sol... E eles devem ter razão porque, de certa forma, parece que nos importamos demais com tudo em volta e a ausência de perfeição que nos cerca.

Não podemos esperar que a perfeição se instale para sermos felizes. Ela, definitivamente, não existe. Mas a necessidade de abraçar o mundo, amorosamente, sim. Então, vamos aproveitar esta quinta-feira para fazer da aceitação amorosa e da gratidão nosso maior poder! Sempre!

Que a quinta seja comemorativa!

A imagem veio daqui

4 de Ouros

quarta-feira, 21 de fevereiro de 2018

Bom dia! :-)

Voltamos à terra! E com isso colocamos os pés no chão, a cabeça no eixo e a mão na massa! Voltamos ao naipe de Ouros e sua praticidade... e tudo que podemos construir com isso!

O 4 de Ouros é quase uma redundância, levando-se em conta que o 4 tem uma energia pra lá de terrestre (terrosa? terrínea? térrea? rs), que reforça o que o naipe de Ouros transmite.

Em termos práticos, o que teremos pra hoje? Pois bem, eu começaria com o óbvio: trabalho, trabalho, trabalho... O que pra mim não é novidade, já que é, basicamente, só o que venho fazendo nos últimos tempos. Mas temos mais conceitos para analisar como, por exemplo, o conceito de apego.

O 4 de Ouros é um Arcano muito apegado, que tem dificuldade de abrir mão do passado, deixar coisas pra trás, mudar antigos hábitos. Portanto, quando esta carta aparece, o alerta vermelho está ligado: não se transforme em um prisioneiro dos seus próprios apegos, não transforme sua rotina em uma enorme prisão. Principalmente se você faz tudo isso só porque quer que tudo continue exatamente do mesmo jeito para todo sempre.

A quarta-feira tem regência planetária de Mercúrio, então podemos pensar que este senso prático e a capacidade de construir e concretizar podem ser expressos através das palavras. E isso pode ser um talento muito especial! Estamos falando não somente de uma capacidade de síntese e uma dose de objetividade, mas - sim! Acreditem! - no talento de transformar em realidade concreta aquilo que se fala. Alguém já pensou nisso? E não fui eu que inventei isso, não... Na verdade, isso é bem mais antigo do que eu, vem de uma historinha em que alguém disse "E o verbo se fez carne" ;-)

Pois bem... A proposta desta quarta-feira é falar de forma organizada e objetiva, buscar realizações materiais através conversas e negociações, usar o poder da palavra, seja para convencer as as pessoas, seja para dar forma a um determinado pensamento. Creio que esta seja uma boa síntese!

Que a quarta seja materializadora!

A imagem veio daqui


6 de Paus

terça-feira, 20 de fevereiro de 2018

Bom dia! :-)

Não me lembro se cheguei a comentar isto ontem, mas a semana está repleta de Arcanos muito bons. Aquelas cartas tranquilas, que trazem bem estar, satisfação... Para os que me acompanham há tempos e já estão acostumados com minhas percepções, aqui vai mais uma: algo novo está se processando! Por aqui, começou com o início do outono, em torno do dia primeiro de fevereiro, mas ficou mais forte desde domingo.

Mas o que é este algo novo? Eu ainda não sei... Mas vou descrever para vocês o que andou acontecendo comigo para que vocês entendam o que eu quero dizer. Domingo, tive uma longa conversa com uma amiga astróloga em que eu comentava o que falo sempre, da dificuldade de alguém conseguir "me ler" com precisão. Isso inclui tanto tarot quanto astrologia, e não quer dizer que nunca dizem nada que se encaixe na minha vida, mas certamente quer dizer que poucas pessoas falam poucas coisas que expressem o que está acontecendo, como eu sou e o que acontecerá depois (principalmente o que acontecerá depois). Nossa conversa foi criando pequenas explosões mentais, em que eu abria minha percepção para coisas novas. Eu diria que algo foi mudando dentro de mim e fui me dando conta de caminhos que poderiam me levar a algumas mudanças de vida interessantes. E senti um grande chamado espiritual, como se me dissesse que não adianta mais ficar tentando encontrar soluções através da mente. Agora é a hora de tentar pelos caminhos espirituais.

Ontem, durante uma consulta, minha cliente (uma querida que atendo presencialmente há bem uns 15 anos) disse que sonhou comigo. E disse que estava com certas angústias. E quando liguei os pontinhos e analisei a situação dela, encontrei as minhas. Sabem como é isso? Eu me vi num espelho! E é difícil descrever... É quando a sua vida está ótima! Tudo está no seu lugar, você tem segurança, estabilidade, saúde, pessoas queridas em volta, família ok, relacionamento afetivo ok... Mas tem a sensação de que vai viver exatamente daquele jeito para sempre e isso dá um pouco de agonia...rs

Pois bem... Ainda não sei para onde nos encaminhamos neste período de descobertas e novidades, mas se ontem tivemos o 9 de Ouros e hoje temos o 6 de Paus, certamente estamos indo bem! O caminho hoje é para o sucesso! O 6 de Paus é a carta que representa o prêmio, aquilo que conquistamos com muito esforço e batalha. E terça-feira é dia de Marte, que de batalhas entende bastante. Só não recomendo que entrem em brigas só para ter o gostinho da vitória...rsrs Fora isso, usufruam livremente o prazer de ser vencedor. Pode ser uma pequena conquista particular ou uma vitória retumbante! Pode ser algo que demorou para chegar ou algo que até que veio rápido, não importa! O fundamental hoje é ter consciência da conquista como resultado de um esforço interior, é a percepção de que é possível mudar o rumo, fazer seu próprio destino, basta tomar consciência da situação, perceber suas fraquezas e limitações e apostar no seu poder, suas habilidades.

Que a terça seja de vitória, queridos campeões!

A imagem veio daqui

9 de Ouros

segunda-feira, 19 de fevereiro de 2018

Bom dia! :-)

Esta é a segunda segunda-feira consecutiva que estamos sob influência do 9 de Ouros. O que nos leva a pensar algumas coisas: 1) estamos em um período voltado para as coisas bem práticas e materiais (inclusive com outros quatro Arcanos do naipe de Ouros, no período de 14 dias correspondentes a estas duas semanas) 2) estamos em um período próspero 3) estamos em um período em que surgem questões que envolvem, igualmente, coisas materiais e coisas espirituais.

Tendo isso tudo em vista, já temos metade do caminho andado em relação ao Arcano do Dia. Mas vamos mais adiante um pouco...

O 9 de Ouros tem alguns outros ingredientes além dos principais: prosperidade, frutificação, tempo de colher o que foi plantado. Sempre achei interessante o fato de termos presente na maioria das imagens do 9 de Ouros uma mulher com uma ave de rapina. E eu sempre me perguntei  "que leveza capaz de alçar voo é esta, em um ambiente simbólico tão pesado/por ser terra, por ser concreto"? 

Ao mesmo tempo, a maioria das imagens do 9 de Ouros que vemos por aí são das mais belas de todo o tarot. Como são bonitas, as danadinhas...rs Muita cor, uma certa poesia, uma plástica cuidadosa e uma sensação de plenitude inconfundível! Olhem para esta imagem e confirmem o que estou escrevendo. Os girassóis representando a vida plena que acontece no momento da colheita. Vida que se expressa na prosperidade, se conceituarmos prosperidade como energia vital transbordante. O detalhe vermelho da calça, que focaliza e centraliza a energia no meio da ilustração, como se toda energia solar amarela fosse a expansão da energia vital do personagem.

Como a segunda-feira é da Lua, magia e espiritualidade estão em pauta. Eu já sei, exatamente, como vou trabalhar isso. Tem a ver com a concretização de coisas que podem vir de uma mudança de postura interior consciente, também chamada de magia. Convido vocês a fazer o mesmo, refletir sobre esta mistura da matéria com o espírito e suas manifestações. 

Que a segunda seja próspera!

A imagem veio daqui